O início dos estudos de uma língua é quase sempre uma maravilha. Você acabou de começar, com uma força sem igual, você está cheio de expectativas e vontade de aprender tudo o que vier pela frente. Passa-se algum tempo e chega o desânimo, as dúvidas se seremos capazes de alcançar a tão sonhada “fluência” algum dia. Você custa a pegar no livro, falta coragem e força para enfrentar aquele mar de palavras novas e regras gramaticais que ameaçam te engolir ou dar um nó na sua cabeça.

Todo estudante de línguas passa por isso. O dias de estudo de latim tem me feito lembrar disso, especialmente dos momentos quando comecei o estudo de inglês. É quando apenas o prazer no estudo da língua não é suficiente para vencer os obstáculos que encontramos pela frente. É preciso mais do que a força bruta para passar dessa fase.

Aprender uma nova língua, do zero até a fluência, é uma verdadeira maratona, um teste de resiliência diário, e é o seu nível de comprometimento que irá ditar o seu rendimento. Mas lembre que você pode (e deve) aproveitar cada etapa desse processo.

Algumas dicas se você está iniciando sua jornada:

1-Anote quais são seus objetivos gerais com o estudo da língua – Faça perguntas. O que pretendo obter com esse conhecimento? Quero viajar? Ter mais chances de conseguir um emprego? Estudar por hobby.

2-Anotes seus objetivos específicos e como pretende alcançá-los – Você quer chegar em determinado nível em alguns meses? O que você precisa fazer para isso? – Quantas horas irá estudar por semana? Pretende focar em todas as áreas ou deseja melhorar sua fala ou leitura apenas.

3-Organize seu material de estudo e cumpra metas diárias ou semanais – Quanto menor o tempo do seu planejamento mais fácil será cumprir suas metas. Divida seu material de acordo com seus objetivos e as horas disponíveis diariamente.

4-Opte por estudar mais dias por semana do que condensar tudo em um dia apenas – o contato diário com a língua irá facilitar a progressão dos seus estudos. É melhor estudar 15-30 min por dia (se esse é seu tempo disponível) do que 2 ou 3 horas em um único dia da semana

5-Tente cumprir suas metas mas seja flexível – Surgiu um imprevisto e você não conseguiu estudar hoje? Não se desespere, tente compensar o tempo nos outros dias. O horário que você escolheu não está funcionando? Achou que conseguiria estudar 1 hora por dia mas percebeu que não dá? Mude suas metas, teste o que funciona para você.

6-Desanimar também faz parte do processo – mas busque formas de se divertir estudando a língua. Gosta de ouvir música? Aprenda a letra de suas músicas favoritas; passou a semana estudando gramática e lendo textos? Que tal ver uma série legendada e praticar a língua no fim de semana?

Espero que as dicas possam lhe ajudar de alguma forma!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s